CABECEIRAS: População sofre a quase 1 ano sem atendimento pediátrico - Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO
Sejam bem vindos!!
 
Home » , » CABECEIRAS: População sofre a quase 1 ano sem atendimento pediátrico

CABECEIRAS: População sofre a quase 1 ano sem atendimento pediátrico

Publicado por Bruno Soares na terça-feira, 30 de janeiro de 2018 | 17:39

Júnior disse que a contratação de pediatra é prioridade e em nota destacou a dificuldade em contratar um profissional da área. Segundo o secretário foi aberto credenciamento no final do ano e nenhum pediatra se credenciou


(Foto: Reprodução/Internet)


O médico pediatra continua sendo um desafio para o governo municipal. Desde que a médica Ana Michikawa se aposentou, em maio de 2017, a população infantil de Cabeceiras não conta com atendimento de um profissional da área. Com isso, quem tem uma renda financeira que consiga buscar atendimento pediátrico em outros municípios, na rede pública que é um pouco difícil e ainda enfrenta uma certa discriminação ou pagar pelo serviço particular que vária, a partir de R$ 180,00, tem sido a rotinas dos cabeceirenses.

(Foto: Arquivo/Interativa87/2017)
Em setembro, o secretário de saúde, Gervácio Júnior informou ao Interativa87 que estava em busca de um médico pediatra para suprir a vaga deixada por Ana. Naquele mesmo ano, no mês de maio em que foi anunciado a saída da médica, o secretário também havia dito para reportagem que a secretaria e a prefeitura estavam trabalhando para contratar um profissional da área. No entanto, o governo municipal anunciou medidas para conter gastos e fechar o ano sem dívidas, visando emendas parlamentares conquistadas durante o ano que estará disponível a partir de 2018.

A redução de salários de secretários, prefeito e vice, demissão de diretores, e horário de atendimento da prefeitura, foram algumas das medidas tomadas pelo poder executivo para equilibrar às contas e fechar o ano.


Publicidade





Foram algumas dessas medidas que acabaram por travar às contratações. Em maio a previsão do secretário de saúde era contratar até mês de julho. Essa foi adiada e a nova previsão de Júnior foi informada em setembro, que a contratação de pediatra poderia ocorrer ainda em 2017, mas o secretário informou naquela ocasião que a crise financeira tinha atrapalhado seus planos.

O ano começou e a reclamação constante da população no rádio e nas redes sociais por não ter pediatra no município continua.


(Foto: Reprodução / Facebook)

Diante das cobranças, Gervácio Júnior enviou uma nota para redação do programa Alô Notícias na rádio Interativa FM que vai ao ar aos sábados das 10h às 12h.

Júnior disse que a prefeitura está empenhada para contratar pediatra o mais rápido possível, reconhecendo a necessidade em ter um profissional da área. O secretário destacou ainda que existe uma falta de interesse de pediatra em atender cidade no interior. Que foi aberto um credenciamento no ano passado expondo de forma nacional o interesse da prefeitura em contratar médicos com início em 2018. Mas, segundo Júnior, nenhum profissional se cadastrou e que seria aberto outro credenciamento.

Na nota, o secretário destacou algumas conquistas da pasta como; médico 24h no Hospital Municipal (HMC) e atendimento odontológico nas três Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou PSF (Programa Saúde da Família)

Leia abaixo na íntegra a nota

"Estamos alinhando as contas para poder contar com o trabalho de um pediatra na nossa cidade o mais rápido possível. Sabemos da necessidade disso, e o povo Cabeceirense merece isso. A adm. está empenhada para muito em breve ter no nosso município além do que já conseguimos, por exemplo; equipe odontóloga nos 3 PSFs, fisioterapeuta durante o ano, médico 24 horas no hospital de Cabeceiras. Coisa que muitos municípios não conseguiram.

Pagamos todos servidores e fornecedores em dia, e a pediatra é o primeiro objetivo deste ano. Mais não adianta colocar se não conseguir pagar, temos compromisso sério com o povo Cabeceirense e repito mais uma vez, que a adm. está empenhada nessa causa, e se Deus quiser vamos conseguir mais essa conquista para a saúde de Cabeceiras.

Ainda sobre a questão pediatra, foi aberto um credenciamento no final do ano para contratação referente a 2018, e não tivemos nenhum ou uma pediatra que credenciou, mais iremos abrir outro credenciamento no início do ano para ver se tenhamos êxito nesse sentido.

Um grande abraço ao povo Cabeceirense e um bom final de semana a todos!"

A nota foi enviada ao programa Alô Notícias do dia 20 de janeiro.
Clique e Compartilhe :

0 comentários :

Deixe o seu comentário.

Os comentários são de responsabilidade dos autores.

PUBLICIDADE

Curta a nossa página no Facebook
 
Suporte : E-mail | Luciano Max®
Plataforma Blogger
Copyright © 2011. Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO - All Rights Reserved
Todos os Direitos reservados a Interativa FM 87,9 Trabalho e Sucesso