CABECEIRAS: Moradores e comerciantes cobram mais polícia nas ruas da cidade. - Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO
Sejam bem vindos!!
Home » , » CABECEIRAS: Moradores e comerciantes cobram mais polícia nas ruas da cidade.

CABECEIRAS: Moradores e comerciantes cobram mais polícia nas ruas da cidade.

Publicado por Redação na quarta-feira, 10 de julho de 2013 | 11:37

Cabeceiras conta hoje com quatro viaturas, três trabalham na zona rural.
O veículos são abastecidos em Formosa, causando desperdícios já que o município conta com dois postos.

Um debate sobre segurança pública foi realizado na noite de terça – feira (9) na Câmara Municipal de Vereadores em Cabeceiras. Presidentes de associações comerciais, Sindicato Rural, comerciantes e moradores da cidade se reuniram com autoridades da Polícia Militar (PM) para discutir assuntos relacionados ao baixo efetivo policial da cidade, que hoje, segundo o Major Izaias Inácio da Silva, comandante do 16ª BPM de Formosa (GO), no qual Cabeceiras também faz parte, o município conta com quatro viaturas, três são responsáveis pela segurança na zona rural, chamadas de “Patrulha Rural” e uma na zona urbana.

Aumento do efetivo:
O Major Izaías contou que, para aumentar o efetivo policial da cidade e colocar mais uma viatura nas ruas, é preciso a contratação de três funcionários para atender as ligações do 190, que hoje é feito por três policiais militares. Com a ajuda desses três funcionários na base da PM local, os policiais que estão fazendo esse serviço, irão trabalhar nas ruas com a inclusão de mais um veículo.

Para que isso aconteça, a prefeitura teria que arcar com os custos desses três funcionários.

O presidente da Câmara, Everton Francisco “Tuta” disse que irá convidar os representantes de cada classe para conversar com o prefeito Nadir de Paiva para buscar uma forma de contratar e pagar os salários desses funcionários.

O Tenente Flávio, responsável pela DP de Cabeceiras, contou que há uma falta de interesse por parte da prefeitura, ele disse que já encaminhou vários ofícios ao órgão á fim de buscar soluções para o aumento de policiamento na cidade. Ainda segundo o Tenente, até hoje nenhuma resposta foi dada.

O Vice-Presidente da Câmara, vereador Mundim, recomendou que a associação dos comerciantes, o Sindicato Rural e outras entidades, agrupem ao pedido da PM e encaminhe a Câmara, para que todas juntas possam conseguir uma resposta do executivo.

Thiago Ferrão, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Cabeceiras (CDL) opinou que, não é o momento de só criticar os lideres municipais e a polícia, a população precisa fazer a sua parte. Ele conta que está faltando os moradores agirem, fazer denúncias, pois se todos ficarem mudos, não é possível a polícia saber dos fatos que ocorrem na cidade.

Thiago lembrou ainda do bom relacionamento que os comerciantes e moradores tinham com o Tenente Nilton Santos que na época fez um trabalho de prevenção, alertando a população que ao notar um veículo ou pessoas com atitudes suspeitas transitando pela cidade e nos comércios, para comunicar a polícia através do 190, que a mesma realizava abordagens.

O comerciante Antenor sugeriu que a PM fizesse abordagens de veículos com placas que não seja do município, ele conta que essa prática ocorre em vários municípios pequenos como Cabeceiras. A idéia do comerciante foi válida e as autoridades policiais vão recomendar aos seus comandados que isso seja feito.

Abastecimento das viaturas fora da cidade.
Outro assunto bastante comentado se trata do abastecimento dos veículos da PM na cidade vizinha, Formosa (GO). Os moradores questionaram o porquê desses carros não abastecerem nos postos de combustíveis da cidade, que conta hoje com dois funcionando ( terceiro ainda em fase de construção).

O Major Izaías explicou que, nenhum dos postos de Cabeceiras são credenciados e que isso tem que ser feito, é um desperdício de dinheiro e combustível, os carros tem que percorrer 128 quilômetros, são 64 KM para ir e outros 64 KM para voltar. Os combustíveis são pagos pelo estado e o pagamento no ato do abastecimento é feito através de cartão.

O presidente da CDL, Thiago Ferrão, disse que irá em caráter de urgência conversar com um posto de combustível associando a ACICAB/CDL para que consiga cadastrar-lo, assim os carros da Polícia Militar poderão abastecer na cidade.

Ao final da “Reunião Comunitária” como foi chamada pelo Major Izaías, os presentes saíram satisfeitos e agora aguarda que, os assuntos debatidos sejam colocados em prática.

De acordo com Izaías, essas reuniões pretendem a ser realizadas mensalmente, para que a população possa cobrar e dar suas sugestões.

Na reunião estiveram presentes:
Vereadores: Zada, Djalma, Renato Xavier, Everton Francisco, Mundim.
Presidente do Sindicato Rural de Cabeceiras: Arno Bruno
Presidente da ACICAB (Associação Comercial e Industrial de Cabeceiras): Robson Rosa
Presidente da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Cabeceiras): Thiago Ferrão

Clique e Compartilhe :

0 comentários :

Deixe o seu comentário.

Os comentários são de responsabilidade dos autores.

PUBLICIDADE

Curta a nossa página no Facebook
 
Suporte : E-mail | Luciano Max®
Plataforma Blogger
Copyright © 2011. Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO - All Rights Reserved
Todos os Direitos reservados a Interativa FM 87,9 Trabalho e Sucesso