CIDADES: Pedreiro é preso suspeito de matar nora após discussão por instalação de antena de internet, em Goiás - Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO
Sejam bem vindos!!
 
Home » , » CIDADES: Pedreiro é preso suspeito de matar nora após discussão por instalação de antena de internet, em Goiás

CIDADES: Pedreiro é preso suspeito de matar nora após discussão por instalação de antena de internet, em Goiás

Publicado por Redação na segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018 | 17:45

A vítima foi atingida com três golpes de faca, uma no braço e duas no peito. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu no local.


(Foto: Reprodução/Facebook)
O pedreiro Telmo José Gomes Pereira, 49 anos de idade, é suspeito de matar a nora, Sibel dos Santos Silva de 31 com golpes de faca. O homem foi preso neste domingo (11) pela Polícia Civil na Cidade de Goiás, no noroeste do Estado. O caso aconteceu na sexta-feira (09) na casa do suspeito após uma discussão que, segundo a investigação, o motivo do atrito foi a instalação de uma antena de internet.

Segundo o G1, na casa também vivia a filha da namorada de Sibel, uma garota de 8 anos. O suspeito e a mulher já tinham várias rixas motivadas pelo fato do suspeito não aceitar a relação das duas, segundo informou o delegado responsável pelo caso, Gustavo Cabral.

"No dia do crime, a vítima e a namorada foram até a casa do suspeito para conversar sobre a instalação da antena de internet para que a garota pudesse conversar com a mãe. Telmo, que estava embriagado, não aceitou e começou a discussão. Neste momento, ele a esfaqueou", disse o delegado ao G1.

Publicidade




Sibel não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Ela foi ferida com um golpe no braço e dois no peito.

Ainda segundo o G1, o pedreiro fugiu logo após o crime e se apresentou espontaneamente na tarde de domingo para tentar fugir do flagrante. Porém, a polícia já havia solicitado - e a Justiça aceitado - o pedido de prisão preventiva dele, que acabou detido.

O suspeito será ouvido formalmente na quarta-feira (14), após o recesso de Carnaval, segundo informou Cabral. Telmo confessou o crime. Ele deve responder por feminicídio e, se condenado, pegar uma pena de 12 a 30 anos.
Clique e Compartilhe :

0 comentários :

Deixe o seu comentário.

Os comentários são de responsabilidade dos autores.

PUBLICIDADE

Curta a nossa página no Facebook
 
Suporte : E-mail | Luciano Max®
Plataforma Blogger
Copyright © 2011. Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO - All Rights Reserved
Todos os Direitos reservados a Interativa FM 87,9 Trabalho e Sucesso