CABECEIRAS: Suspeito de atropelar criança na GO-346 se apresenta na Polícia Civil - Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO
Sejam bem vindos!!
 
Home » » CABECEIRAS: Suspeito de atropelar criança na GO-346 se apresenta na Polícia Civil

CABECEIRAS: Suspeito de atropelar criança na GO-346 se apresenta na Polícia Civil

Publicado por Bruno Soares na segunda-feira, 19 de setembro de 2016 | 10:04

Na manhã de quarta – feira (14), Robério Nogueira Rocha, 32 anos se apresentou no 2º Distrito Policial Civil de Formosa (GO). Ele está sendo acusado de ter atropelado Kauan Inácio Da Silva, 9 anos de idade, na noite de sábado (10) na Avenida Tancredo Neves (GO-346) em frente ao Terminal Rodoviário. A vítima foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no Hospital Municipal.

De acordo com informações da escrivã Luizia Galli, acompanhado do advogado, Robério se apresentou por volta das 10h00. Ele prestou depoimento, foi liberado e irá aguardar a conclusão do inquérito que ainda não tem uma data específica para ser concluído. No entanto, Luizia ressaltou que o caso é prioridade na delegacia, testemunhas serão ouvidas na próxima semana e que será solucionado o mais rápido possível.

- Foram ouvidas o pai da criança e o acusado, testemunhas que estavam no local serão ouvidas na próxima semana. O laudo pericial de local do acidente também já está pronto. Agora, mais detalhes sobre o caso ainda não podemos passar pois está correndo em sigilo, más posso dizer que é prioridade aqui na delegacia.
Publicidade


Ainda de acordo com Luizia Galli, o conteúdo do depoimento do pai da criança e do suposto autor não pode ser revelado para não atrapalhar nas investigações.

Segundo a mulher de Robério, a funcionária pública Ana, a versão do pai da criança de que o filho teria sido atropelado na calçada não procede. O carro teria sido abandonado na calçada e o atropelamento na rodovia. Robério teria fugido do local por medo de retaliação da família e comoção popular, pois havia no momento uma grande aglomeração de pessoas.

- Ele estacionou o carro na calçada e saiu correndo, porquê ficou com medo da família e do pessoal que estava chegando. Agora ele prestou depoimento e vai aguardar o retorno do delegado.

O delegado Jandson Bernardo não pode atender a reportagem pois estava em uma operação na cidade de Formosa.

Mesmo não tendo uma data prevista para concluir o inquérito, acredita-se que o caso seja solucionado até o início de outubro.
Clique e Compartilhe :

0 comentários :

Deixe o seu comentário.

Os comentários são de responsabilidade dos autores.

PUBLICIDADE

Curta a nossa página no Facebook
 
Suporte : E-mail | Luciano Max®
Plataforma Blogger
Copyright © 2011. Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO - All Rights Reserved
Todos os Direitos reservados a Interativa FM 87,9 Trabalho e Sucesso