POLÍTICA: Iris Rezende: "Deus me fez político e vou lutar pelo Estado de Goiás". - Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO
Sejam bem vindos!!
 
Home » » POLÍTICA: Iris Rezende: "Deus me fez político e vou lutar pelo Estado de Goiás".

POLÍTICA: Iris Rezende: "Deus me fez político e vou lutar pelo Estado de Goiás".

Publicado por Redação na domingo, 28 de julho de 2013 | 17:15



Foto: Divulgação/ PMDB
O ex-governador Iris Rezende (PMDB) disse, ontem, que o partido precisa se reestruturar de forma modernizadora nos municípios para vencer as eleições do próximo ano.

Durante encontro, acontecido em Catalão, Iris disse de forma mais contundente que o mais importante nesse momento é "saber interpretar os anseios da população" para formular uma proposta para a sociedade em 201.

O encontro programado para reunir políticos da legenda de toda a Região da Estrada de Ferro teve a participação de cerca de mil representantes de pelo menos 11 cidades. Prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e lideranças se fizeram presentes.

Em seu pronunciamento Iris fez um apelo à militância para um trabalho organizado e em consonância com os anseios populares visando o fortalecimento do partido e uma maior presença dos peemedebistas em postos de comando nos municípios.

"Ou nós nos preparamos e trabalhamos com responsabilidade para enfrentar todas essas situações com as quais nos deparamos ou nós vamos presenciar um quadro imprevisível. Porque quando o povo se revolta sem uma liderança capaz de nortear essa revolta as consequências são imprevisíveis", enfatizou.

Para Iris o PMDB precisa retomar seus velhos ensinamentos de política "buscando a participação de todos os segmentos sociais" para participar de forma mais contundente dos destinos administrativos do Estado. "Precisamos buscar filiações, saber ouvir e interpretar os anseios do povo para formular uma proposta plenamente exequível para a população". Chamando o partido à recomposição com seus antigos quadros ele fez um apelo para "perdoar aqueles que se afastaram e valorizar quem ainda pode ajudar o partido e o Estado".

Em seu pronunciamento Iris Rezende foi mais enfático em suas críticas à administração estadual, principalmente por políticas impopulares como as anunciadas na última semana. "Para onde estão indo os impostos? Será que vai para essa publicidade milionária, com artistas sofisticados? E agora estão falando em aumentar a alíquota do óleo diesel. Isso vai aumentar o transporte, vai afetar a agricultura. Não podemos ficar de braços cruzados", frisou.

Eleição
Quando foi falar sobre o pleito de 2014 Iris foi enfático: "Se o estado estivesse em boas condições eu poderia me ausentar. Mas eu não posso. Se eu não participar deste processo estarei negando o dom que Deus me deu. Ele me fez político. Eu sou político e vou lutar pelo Estado de Goiás com todas as minhas forças."

Iris endureceu o discurso quando falou do governo. "Esta é a primeira reunião política que participo desde as últimas eleições. Fiquei afastado por questões pessoais, mas não posso me omitir. Este governador está destruindo o Estado. Ele envergonha Goiás. Se hoje temos qualquer possibilidade de desenvolvimento, é porque o PMDB deixou toda a infraestrutura pronta. Goiás cresce, ainda hoje, graças aos peemedebistas", frisou.

O peemedebista citou os recursos empregados pelo governo do estado como sendo "fruto de empréstimos" e criticou a postura de "deixar dívidas para os sucessores", além de só estar fazendo algo com dinheiro do governo federal. "Hoje, o governador usa um discurso de desenvolvimento. Ele só conseguiu fazer alguma coisa graças ao dinheiro do governo federal. E é bom lembrar que sua gestão não faz jus, sequer, aos empréstimos que contraiu. Como sempre, ele deixará as contas para o sucessor".

Com um discurso de quem será candidato ao governo Iris frisou que o mais importante é estruturar o partido para o embate e só depois decidir quem será o candidato ao governo. O veterano líder finalizou com um discurso de união do partido para vencer o pleito: "É preciso união. É preciso fazer este partido crescer. Com as ações corretas, é impossível perdermos esta eleição de 2014. Somente um político sensível e disposto a promover as mudanças necessárias para recolocar Goiás no eixo poderá obter o aval da população para o governo."
´
Com informações do DM.
Clique e Compartilhe :

0 comentários :

Deixe o seu comentário.

Os comentários são de responsabilidade dos autores.

PUBLICIDADE

Curta a nossa página no Facebook
 
Suporte : E-mail | Luciano Max®
Plataforma Blogger
Copyright © 2011. Rádio Interativa FM - Cabeceiras - GO - All Rights Reserved
Todos os Direitos reservados a Interativa FM 87,9 Trabalho e Sucesso